Qua
10
abr
Em números
Image
Luísa Baeta
Qua
10
abr

O DDD+FITEI está prestes a arrancar. Uma sintonia de programação e comunicação permite que, juntos, sejam o maior festival de artes performativas a nível nacional. A soma faz-se sobretudo da Semana +, e uma vontade articulada de levar a criação nacional além-fronteiras.

Pelas 4 cidades prolongam-se 32 dias de 66 espetáculos e 40 atividades de formação. Os espetáculos do DDD e do FITEI contam 112 récitas e há 24 estreias nacionais de espetáculos de várias latitudes: Espanha, Itália, Bélgica, França, Suécia, mas também China, Estados Unidos da América, Argentina e Uruguai. Isto reflete um interesse comum do DDD e do FITEI, que é o olhar artístico além Europa, aquele que seria o caminho mais fácil e imediato do habitual circuito de artes performativas na sua relação com Portugal. Por isso mesmo, este ano o Brasil será país-foco da programação destes dois festivais.


Além do espaço público, 27 espaços das cidades do Porto, Matosinhos, Gaia e Viana do Castelo estão envolvidos conjugando cerca de 650 elementos de equipas artísticas.


Contas feitas, e números à parte, há muitas histórias a contar na edição desta ano do DDD+FITEI, que decorre de 24 de abril a 25 de maio.

Voltar

newsletter

24 ABR — 12 mAI 2019

Porto

MatosinhoS

Gaia